quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Bom dia, quinta-feira!


Chovia. Ela acordou ainda com sono. A cama quente, o tempo frio. O cabelo curto, com a umidade, ficou volumoso e opaco. Ela fez uma trança e depois desfez. Tentou colocar um arco, mas acabou usando uma touca.

Aquela calça tamanho 38 que costumava não passar do joelho entrou e serviu como uma luva. Ela sorriu e escolheu uma blusa na gaveta. Pensou em passar uma base no rosto, mas lembrou que chovia e que a água faria tudo virar lama.

Na cozinha ferveu água para fazer chá. Colocou em uma garrafinha com um pouco de leite para ir tomando no caminho. Bebeu um golinho e deu uma mordidinha em um bolinho de chocolate.

Enfiou um jaleco branco na mochila, uma calculadora e um caderno. Calçou seu tênis de chuva, pegou a sombrinha e foi. Foi comendo, andando e desviando das poças. Fone no ouvido, sombrinha na mão. Atravessou as ruas pensando nele, pensamento que a fez sorrir. E sorrindo ela encostou a cabeça na carteira e dormiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...