sábado, 5 de abril de 2014

Aventuras diabéticas no velho continente


E a garota diabética sai de férias. Local: interior da França. Ano: 2013.

Tudo ia muito bem na fazenda. Os bezerrinhos mamavam, as vaquinhas mugiam. Lá fora, um frio descomunal. As duas primas colocavam os assuntos em dia enquanto embrulhavam os presentes de natal destinados à família francesa que as recebeu com tanto carinho.

- "Tu viens de manger"? Elas ouviram, e desceram correndo para deliciar o jantar. Ahh... a comida! De entrada: sopa de abóbora. O cheirinho já deixou as garotas com água na boca. O prato principal: carne cozida e batatas sauté. Junto com os queijos veio a salada, depois de sobremesa um kiwi. O café, delicioso! E por fim, a parte que a garota diabética menos gostava, os chocolates.

Não gostava, porque depois de tanta comilança, chocolates cheios de açúcar iriam elevar a glicose até as estrelas. Porém, nesse dia havia uma surpresa! A família francesa havia comprado uma barra de chocolate sem açúcar especialmente para ela! Alegria, felicidade, empolgação. Todos olharam, esperando que ela abrisse o pacote. Ela abriu, quebrou um pedaço, deu uma mordida e...

A cozinha girava. O esôfago se comprimia. O estômago revirava. Sua língua secou. E todos perguntaram, cada um em seu idioma: "e aí? Gostou?". Fazendo todo o esforço do mundo para não fazer careta, a garota respodeu - "É... mais ou menos"... E no rótulo estava escrito "100% cacau".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...