domingo, 16 de setembro de 2012

Boa noite, Domingo...

Quanta coisa aconteceu nessa última semana! Ela começou no domingo, quando pedalei pela Cidade Maravilhosa com meu amor. Um dia cansativo, porém, maravilhoso! O sol brilhava enquanto observávamos de perto a arquitetura e belezas naturais do Rio de Janeiro (depois vou escrever um post sobre isso)! Voltando para BH, tive a notícia de que a greve acabou e finalmente voltei a estudar. Na terça, comecei uma nova dieta com a minha nutricionista. Ela me mandou comer mais carne e tomar mais leite, o que eu nem gostei, imagine! Aconteceram coisas que me entristeceram também, e que não saíram da minha cabeça em momento algum no decorrer desses 7 dias.

Entre uma ligação e outra com meu namorado, fui à faculdade, fiz trabalhos (mesmo só tendo 2 aulas até agora), e ganhei livros novos. Quem me conhece sabe que quando eu encasqueto com alguma coisa, não sossego enquanto não encontro. Essa semana foi um livro: "A Volta do Parafuso", de Henry James. Os livros desse autor são meio coisa de louco, mas li uma resenha que me fascinou e assim que acabei de ler "Dupla Falta", de Lionel Shriver, peguei meu livro novo e não larguei mais! Estou devorando cada detalhe dele!

Chegou o final de semana, e com ele minha tão odiada sexta-feira. Depois de um dia inteiro em aulas, cheguei à noite em casa, morta e moída, e fui insistentemente chamada para sair. Como posso me arrumar para a balada em meia hora quando fiquei o dia inteiro suando igual a uma porca nesse calor de 38ºC que fez em BH? Só sei que consegui e lá fui eu com "as prima" dançar na boate. Nunca espero muito desses lugares, já que só gosto de rock e sou pobre, mas o local escolhido da noite me encantou! Fomos no Clube Chalezinho, e eu simplesmente adorei! O DJ era ótimo, o lugar lindo e os drinks (caros) deliciosos! Gastei o mínimo (como já disse, sou pobre e não comprei nada lá dentro), ou seja 20 reais de entrada e 15 de consumação, o que não é algo exorbitantemente caro. Acordei no sábado sentindo como se um trator tivesse me atropelado, mas valeu MUITO  a pena!

No sábado fiz uma coisa muito emocionante! Todos vão me achar idiota, pois na verdade não fiz nada de mais... Dirigi sozinha! Normal para quem já tirou carteira há quase 2 anos, mas para mim foi a primeira vez! Dei apenas duas voltas no quarteirão, mas para isso passei pela Av. Afonso Pena, com trânsito e tudo! Um bom avanço, não acham?

Hoje acordei bem cedo e fui para o aeroporto receber meu tio que mora nos EUA. Fizemos aquela farra em família no aeroporto, e na volta levamos um susto! Protestantes estavam tacando fogo em tudo e bloquearam a pista! Ficamos presos lá naquele calor e tendo que respirar uma fumaça preta, correndo o risco de pegar fogo nos carros. Para piorar, era quase 12h00 e eu não tinha absolutamente nada de comida dentro do carro. Já estava rezando pra D. Hipoglicemia ficar BEM longe de mim quando todos os carros atrás de nós tiveram a ideia abençoada de dar meia volta e seguir pela contra-mão até uma estradinha que liga Pedro Leopoldo a Vespasiano. Foi uma aventura e tanto ver minha mãe dirigindo na contra-mão em plena Linha Verde! No final tudo deu certo e chegamos todos vivos no restaurante em que iríamos almoçar.

P.S.: Sem fotos por hoje! Prometo postar mais em breve! :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...